Bertalha-Coração

A Bertalha Coração (Anredera cordifolia) é uma planta alimentícia não convencional (PANC) e tem esse nome pois as suas folhas tem formato de coração.

Folha Bertalha Coração

Suas folhas, tubérculos aéreos e subterrâneos são comestíveis e muito saborosos. Vão bem em diversos pratos (sopas, arroz, farofas, refogadas, omeletes) e até no suco verde!

As folhas possuem um leve amargor e são suculentas; os tubérculos possuem uma “babinha”, parecida com o  inhame.

Ela é extremamente nutritiva pois contém uma quantidade elevadíssima de ferro, utilizada no tratamento de anemias e na alimentação de crianças, além de Cálcio, Zinco e outros nutrientes.

A propagação dessa planta se dá pelos tubérculos aéreos (foto esquerda), pelos tubérculos subterrâneos (foto direita) e estaquia.

É uma planta trepadeira, pois precisa de suporte para se sustentar e se manter ereta. 

Caso esteja cultivando em vasos, você pode utilizar barbantes, galhos ou qualquer outra estrutura que sirva de suporte. Pode inclusive aproveitar algumas plantas para fornecer esse suporte, porém, como a bertalha é pura abundância (dá muitas folhas, fica bem grande) é importante que você realize podas constantes para que ela não encubra totalmente a outra planta e prejudique o seu desenvolvimento.

Nas fotos abaixo as Bertalhas estão se apoiando em barbante de juta, mas no início do seu desenvolvimento, foi um tomateiro que serviu como suporte.

A Bertalha é também bastante usada no paisagismo. Além das folhas, as suas flores são muito bonitas: brancas, pequenas e atraem diversas espécies de abelhas.

Uma palavra que descrever bem a Bertalha-Coração é Abundância

Bertalha Coração SOMA

 

RESUMO

Origem: América do Sul

Nomes populares: bertalha, basela, cipó-babão, folha-santa, trepadeira-mimosa, quiabento

Quando Plantar: ano Todo

Propagação: através dos tubérculos aéreos, subterrâneas e estacas

Luminosidade: gosta de bastante luminosidade mas também vai bem em locais com iluminação indireta, porém, seu crescimento é mais lento

Característica de Crescimento: vertical

Características Nutricionais: Fe, Ca, Zn

Nível de dificuldade de cultivo: fácil

Atenção: caso esteja em ambientes abertos como jardins e próximo à outras espécies de plantas, se faz necessário podas constantes pois a Bertalha-coração tende a encobrir e sufocar outras plantas.

 

Fonte: Plantas Alimentícias não Convencionais (PANC) no Brasil – Valdely Ferreira Kinupp e Harri Lorenzi